Derrotado nas eleições, Ivo Cassol volta a atacar adversários
Condenado à prisão pelo Supremo Tribunal Federal (STF) o senador Ivo Cassol (PP) fez um discurso em uma das suas rádios no Cone Sul de Rondônia
Publicado Sexta-Feira, 24 de Outubro de 2014, às 17:37 | MARCELINHO ONLINE

 


Jaqueline, Ivo e Ivone Cassol: derrotados nas urnas
 

 
 
 

Condenado à prisão pelo Supremo Tribunal Federal (STF) o senador Ivo Cassol (PP) fez um discurso em uma das suas rádios no Cone Sul de Rondônia em prol do candidato ao Governo do Estado de Rondônia, Expedito Junior (PSDB) no final da manhã desta terça-feira, 22. Barulhento como sempre, o ex-governador de Rondônia não poupou críticas ao prefeito de Vilhena, Zé Rover (PP) por ter apoiado a candidatura de Confúcio Moura (PMDB) que busca mais quatro anos à frente do poder executivo estadual. Cassol disse que o Prefeito de Vilhena deveria sair às ruas pedindo desculpas à população por mentir sobre os repasses à Unidade de Terapia Intensiva (UTI) que o governo do estado tem que fazer. Segundo ele Rover mentiu ao dizer que os vencimentos estão em dia, quando na verdade os atrasos chegam a mais de R$ 4 milhões.
 

 

Casso não apresentou a fonte de onde tirou essa informação, muito menos deu maiores explicações sobre o assunto. Ele focou sua fala em ataques diretos ao chefe do executivo municipal de Vilhena, dizendo que Rover parece “mulher de bandido”. “Apanha várias vezes, e quando ganha um carinhosinho diz que está tudo bem”, disse aos berros no microfone. Cassol relatou, ainda, que Rover não foi leal ao seu partido apoiando Confúcio Moura.
 

 

Segundo o Senador condenado à prisão pela justiça, ele teve uma boa parcela de contribuição na vitória de Rover para Prefeito nas últimas eleições. “Ele foi a Brasília pegar um depoimento meu. Não vou tirar os méritos dele, mas também fui responsável pela sua eleição”, acredita. Cassol disse que Rover não teve compromisso com o partido, e apoiou todos os candidatos ao Senado nestas últimas eleições, sem respeitar bandeira partidária. “Em uma reunião ele dizia que estava com a Ivone Cassol, na outra dizia que estava com o Acir, e em outra dizia que era Moreira Mendes, e assim aconteceu com vários candidatos a deputado federal”, reclamou.
 


Apoio a Expedito
 


 

 

Ao esclarecer seu apoio ao candidato tucano, Ivo Cassol disse que só foi consolidado para o bem de Rondônia. “Até mesmo os casai brigam. Voltamos a amizade para o bem do estado, são 16 anos juntos, e todos nós temos divergência. Digo que ele nunca me deu prejuízo”, justificou.
 


 

Fracasso nas urnas
 


Ivo Cassol foi sem sombra de dúvidas o maior derrotado nestas últimas eleições. Ele mesmo já está fora de qualquer disputa eleitoral, pois a justiça o condenou à prisão, fato que o torna ficha suja. Para tentar permanecer no poder empurrou goela abaixo dos correligionários duas candidaturas. A primeira foi da própria mulher ao senado. A segunda foi da irmã ao governo de Rondônia. Ambas não emplacaram e são provas concretas que as imposições de Cassol não estão agradando nem mesmo seus companheiros de militância, quanto mais a população. (Rômulo Azevedo)

LEIA AINDA: 

Senador Cassol diz que não terá vergonha de cumprir qualquer pena 

 

 

Cassol falando que Expedito não serve para ser Governador - vídeo

 

 

Ivo Cassol rasgando elogios ao seu parceiro..