CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DA FIMCA PROMOVE AULA DE CAMPO NO PARQUE NATURAL DE PORTO VELHO
Publicado Segunda-Feira, 30 de Julho de 2012, às 15:13 | ASSESSORIA

 

Acadêmicos do 5° período do curso de Ciências Biológicas da FIMCA realizaram aula prática no Parque Natural de Porto Velho, sob orientação do professor Isaac Lucena de Amorim.
Seguindo uma trilha que corta uma faixa de floresta tropical amazônica, os alunos puderam observar os mais diversos aspectos da morfologia das plantas que compõem os estratos herbáceos. Ao final, saindo da trilha, visitaram o viveiro florestal do parque, onde observaram a produção de várias espécies de plantas nativas para arborização da cidade e projetos de recuperação de matas ciliares.
Segundo Isaac, a floresta é um grande laboratório a céu aberto e, particularmente, o Parque Natural de Porto Velho é um ambiente muito rico em diversidade, de modo que possibilita ao aluno observar quase que toda a gama de aspectos morfológicos das plantas e certas peculiaridades inerentes a muitas formas de vida vegetal. Os alunos que estiveram presentes gostaram da experiência e destacaram a importância do contato direto com o ambiente florestal para a concretização dos conhecimentos de morfologia e taxonomia adquiridos em sala de aula.
A coordenadora do curso, professora. Priscila R. Martins, aprovou a iniciativa desenvolvida no dia 30 de maio. Para ela, a realização de aulas práticas em ambiente natural é uma das formas de ensino mais eficientes, em termos de qualidade e rendimento de aprendizagem. “Isto porque, uma vez que o conteúdo teórico já tenha sido apresentado em sala de aula, torna possível o reconhecimento das estruturas estudadas em seu ambiente natural, bem como promover um momento de prática de educação ambiental, espírito de grupo e laser”, concluiu a coordenadora.