Começaram as obras do Teatro Estadual da Capital
Publicado Segunda-Feira, 30 de Julho de 2012, às 17:43 | EMRONDONIA.COM.BR

 

Depois de muitos anos de reivindicações e alguns ajustes no projeto, enfim, Rondônia ganhará seu tão esperado Teatro. Com um valor orçado em R$ 17.218.048,34 e prazo de entrega previsto para maio de 2010, a construção do Teatro Estadual de Rondônia está a todo vapor.

Na obra, localizada na Av. Presidente Dutra, entre a rua Tabajara e a José Camachoos, pedreiros, mestres de obras e engenheiros se esforçam para tornar real o projeto arquitetônico que vai mudar a paisagem de Porto Velho. O prédio será, além de um lindo cartão postal, um espaço para a expressão artística e cultural dos rondonienses. “Depois de pronto vamos nos cadastrar em uma rede nacional de espetáculos. Assim, sempre teremos peças de qualidade sendo apresentadas aqui. E com esse novo espaço também vamos abrir espaço para os artistas locais mostrarem seus trabalho em Rondônia e fora dele”, antecipa Jucélis Freitas, secretário da Secretaria Estadual de Cultura, Esportes e Lazer – Secel.

O projeto

Segundo engenheiros responsáveis pela obra a estrutural física do teatro terá características modernas, contendo inclusive um mini teatro (teatro de bolso), com capacidade para 217 pessoas, onde serão realizados os eventos de menor porte.

O salão principal do teatro terá capacidade para 930 pessoas, sendo 64 lugares localizados em oito camarotes no terceiro pavimento. O projeto também contempla elevador panorâmico, e atende a NBR 9050, ou seja, as condições de acessibilidade para pessoas portadoras de necessidades especiais.

No palco do teatro existirá um elevador para orquestra e uma complexa estrutura cênica. E para o estacionamento estão previstas 176 vagas, vias internas e uma grande praça.

Atualmente estão sendo executados os serviços referentes ao mini teatro, energização de subestação e fundações gerais.

O funcionamento

Segundo o secretário Jucélis Freitas para administrar o teatro será contratada uma equipe através de concurso público. Técnicos de som, cenógrafos, figurinistas, entre outros especialistas vão compor a equipe de trabalho. “Para dar oportunidade aos profissionais de Rondônia vamos promover oficinas de formação em todas as especialidades. Assim, os rondonienses interessados em participar do concurso estarão preparados”, destaca Jucélis.