Curso para Segurança Pública bate recorde de inscrições na Unir: 54 candidatos por vaga
Publicado Segunda-Feira, 30 de Julho de 2012, às 17:09 | ASSESSORIA

 

Buscando a capacitação na Segurança Pública formando oficiais da PM sem precisar sair do estado, o Governo Estadual, enviou neste ano, e a Assembléia Legislativa aprovou, Projeto de Lei que garante parceria com a Universidade Federal de Rondônia (Unir) para a formação de oficiais da Polícia Militar através de curso que será realizado pela Universidade de Rondônia a partir de 2009. O curso de Segurança Pública recebeu um número recorde de inscrições, e será disputado por 54 candidatos por vaga, enquanto o segundo colocado, o curso de Medicina, terá 34 candidatos disputando uma vaga.

 

O curso que oferece 50 vagas tem duração de três anos e meio e o acadêmico receberá durante o período de formação bolsa no valor de R$ 1.200,00 reais mensalmente. Após a conclusão do curso o profissional sairá bacharel em Segurança Pública e se integrará a corporação militar com o salário inicial de R$ 3.600 reais.

 

De acordo com Lúcio Morais, membro da comissão de vestibulares da universidade, o curso foi o mais procurado durante as inscrições do vestibular deste ano com relação aos demais cursos que chegaram a ter uma ligeira queda no número de inscritos se comparado ao passado.

 

Para ele, essa grande procura se dá ao fato inédito do novo curso oferecer incentivo financeiro com valor bastante atrativo e, principalmente pela oportunidade de terminar o processo acadêmico já com emprego garantido. “O Estado está de parabéns, isso é inovador”, declarou Lúcio, explicando que Rondônia é o terceiro estado a firmar essa parceria com as universidades federais para garantir a capacitação de profissionais na área da segurança pública.

 

Segundo Morais, o apoio do Governo do Estado é fundamental para esse processo de realização profissional. “O Estado vai entrar com a parte financeira e a Unir com a estrutura e o corpo de docentes. “Sem o apoio da atual administração não conseguiríamos realizar o curso e Rondônia teria que continuar a mandar os policiais para outros estados para completar sua formação na área”, concluiu.

 

O governador Ivo Cassol recebeu com satisfação a notícia da grande procura pelo curso. “Fico muito feliz com a notícia. Isso é muito positivo e significa que o nosso estado está crescendo e se desenvolvendo, e nós estamos investindo na qualificação dos policiais militares, o que é o mais importante”, declarou.

 

O curso começa com disciplinas básicas e terminará com as disciplinas específicas. Para tanto, será realizado concurso público no decorrer do curso para a contratação de professores que vão administrar as disciplinas