Maria da Penha é indenizada após 25 anos
Publicado Segunda-Feira, 30 de Julho de 2012, às 11:53 | G1

 

 Após 25 anos de espera, Maria da Penha, que dá nome à lei que endureceu as penas para quem pratica violência doméstica, recebeu nesta segunda-feira (7) uma indenização de R$ 60 mil do governo do Ceará. Ela ficou paraplégica em 1983, depois de ser baleada, nas costas, pelo ex-marido.

A indenização foi recomendada pela Organização dos Estados Americanos (OEA), que responsabilizou o Brasil pela demora de quase 20 anos no andamento do processo contra o ex-marido de Maria da Penha. Para as cortes internacionais, foi uma violação dos diretos humanos.

No discurso, Maria da Penha lembrou que é impossível calcular o prejuízo causado pelo tiro disparado pelo ex-marido. Marco Antônio Viveiros conseguiu retardar o julgamento várias vezes e só foi preso pela tentativa de homicídio em 2002, quando o crime já estava quase prescrevendo. Ele passou dois anos na prisão e hoje cumpre pena em liberdade.

A ministra Nilcea Freira, da Secretaria de Políticas Públicas para Mulheres, reconheceu a necessidade de criação de novos juizados especiais de violência doméstica.